CHEFS E ORADORES

Michel Van Der Kroft

Michel Van Der Kroft

‘t Nonnetje, **Michelin

Michel começou como aprendiz de cozinheiro em restaurantes holandeses com estrelas Michelin. Pouco depois foi viver para a Suíça, onde conheceu uma jovem portuguesa com quem viria a casar. De regresso à Holanda, Michel trabalhou em vários restaurantes de prestígio, até obter o grau oficial holandês de Master Chef. Em 2006 assume o cargo de Chef Executivo do ‘t Nonnetje, para o qual conquistou uma estrela Michelin em 2008, com uma cozinha criativa, leve e atual a partir dos produtos da terra e do mar.

Tiago Sabarigo

Tiago Sabarigo

Costes Downtown *Michelin

Cozinheiro  Português com muita  experiência , que trabalha em várias  cozinhas high-end, desde  os 22 anos. Um chef muito apaixonado, muitas vezes olhando para explorar novas formas  gastronómicas. Uma pessoa honesta e prestativa com um senso de humor positivo, um perfeccionista, muito leal e sempre a trabalhar no duro.

Em plano de fundo:  trabalhou  no Four Seasons Hotel Ritz Lisboa, Petrus by Gordon Ramsay London, Texture Restaurant Londres

A sua maior influência alimentar  foi Aggi Sverrisson, patrão e chef do Restaurante Texture.

Enquanto mentor motivacional Gordon Ramsay para padrões e mentalidade  das suas cozinhas.

Ganhou a sua  primeira estrela  michelin  á frente do Costes Downtown, em Budapeste, em 2016 e desde  ai tem renovado esse feito.

Pedro Jorge

Pedro Jorge

Masterchef Junior

Depois de ter conquistado os portugueses no MasterChef Portugal Junior, Pedro Jorge irá conquistar o público do Vagos Sensation Gourmet 2019 - 6ªEdição!!
Começou a cozinhar aos 5 anos com a ajuda dos seus pais e do avô Zé. Participou no programa de televisão Masterchef Junior para provar ao avô que valeu a pena tudo o que lhe ensinou. E valeu! Atualmente o mini chef tem mostrado as suas receitas nas redes sociais, blog e youtube.
Cátia Goarmon

Cátia Goarmon

24 Kitchen

Define-se como "apresentadeira", que segundo a própria “é cozinheira e apresentadora ao mesmo tempo”. Foi assim que se deu a conhecer ao país no concurso televisivo MasterChef. E é assim que também que podemos ver no formato Os Segredos da Tia Cátia, no 24Kitchen.
Para quem perdeu as emissões, a Chef Cátia lançou o livro com o mesmo nome. Se quiser ficar a conhecer os segredos da sopa da pedra e do cozido à portuguesa, mas também de outros pratos que tem vindo a aprimorar ao longo do tempo, só tem que se dirigir à livraria mais próxima e pedir o livro da Chef Cátia.
Apesar de se considerar uma especialista em “confort food” - daquela que conforta o estômago e a alma, não necessariamente por esta ordem de importância – a cozinha da Cátia já está num outro nível.

Joe Best

Joe Best

Chef - DaCozinha

É um dos padrinhos do VSG e amigo da Praia da Vagueira. Criador das suas próprias receitas e regras de cozinhar, na sua forma mais empírica, autodidata, estudioso e curioso de todo o universo da comida, sempre na procura de novas criações a partir de ingredientes que movem e despertam paixões, mas também na busca incessante de proteínas, ervas, raízes, frutos e vegetais mais desconhecidos do grande público. Procura a excelência na arquitetura do sabor.
Sem cursos superiores nem formação específica para lá de barman e empregado de mesa, estabeleceu com a cozinha, na década de 90, uma relação de profunda paixão e entrega, criando assim a sua segunda pele. Regressou à escola aos 44 anos para lhe serem averbadas competências na área, conseguindo que as mesmas fossem certificadas com diploma legal, vendo assim reconhecido o seu árduo trabalho de 30 anos em prol do bom serviço e gastronomia, para nacionais e estrangeiros.
Se gostar muito de um prato de outra pessoa, reproduz a sua visão do mesmo sem nunca esconder de onde bebe a inspiração do momento.
Como diz um amigo – “Joe, tens uma panela de pressão no cérebro!”

Nuno Castro

Nuno Castro

Fava Tanka e Esquina do Avesso

O Chef Nuno Castro começou a sua formação na cozinha do Sheraton Porto, mas foi na Irlanda que fez o curso de cozinha e conheceu matérias-primas e condimentos especiais que o fizeram apaixonar pelos crús, pastelaria e a comida vegetariana. Passou em trabalho pela Inglaterra e pela Escócia e regressou a Portugal, começando desde logo a trabalhar no grupo Cafeína. De seguida, partiu para a aventura do mundo vegetariano no restaurante Capa Verde, onde descobriu novos ingredientes e experiências inovadoras – nomeadamente na pastelaria. Ainda fez breves paragens no Paparico e no BH, na foz.

Finalmente, é na Esquina do Avesso que se sente em casa, restaurante onde tem vindo a desenvolver o seu trabalho nos últimos três anos, onde dá a conhecer a sua irreverência em cada prato que cria.
Considera a cozinha uma arte e uma forma de expressão, serve fórmulas completamente novas em sabor e arte de apresentar e quem conhece esta Esquina do Avesso já sabe que as sobremesas são sempre uma parte essencial da refeição. É uma das suas paixões, a pastelaria.

Do mesmo grupo,  Nuno também é chef do Fava Tanka, onde visitou vários produtores, muitos deles locais. Esse trabalho resultou em 12 pratos iniciais, elaborados a partir de vários produtos sazonais e biológico

Ann-Kristin

Ann-Kristin

Chef | Catering | Food Design

Ann-Kristin, a ex-modelo que agora desfila na cozinha. Ela ficou conhecida por estar em três frentes; Chef, Food Design e Catering.

No presente, faz catering, demonstrações e workshops para as marcas mais exclusivas do mundo, onde seus pratos são deliciosos e impressionantes obras de arte.
Contudo no seu site,  ensina as dicas e truques sobre como transformar um prato de rotina em algo espectacular!
Não perca a apresentação da Ann-Kristin no Vagos Sensation Gourmet e descubra os seus pratos fantásticos e dicas inesquecíveis!

Louis Anjos

Louis Anjos

Bon bon *Michelin

Chefe Cozinheiro do Ano em 2012, Louis Anjos tinha sido o responsável pela cozinha do MORGADINHO, no Suites Alba Resort de Luís Figo, antes de ter vindo para Lisboa suceder a Miguel Castro e Silva no LARGO, após o que regressou ao Algarve a fim de liderar o aclamado MON-CHIQUE, que inclusivamente recebeu o prémio Revelação do Ano de 2017 atribuído pelo guia Boa Cama Boa Mesa do jornal Expresso.

Tendo sido já Louis Anjos o chefe do BON BON ao longo de todo o ano de 2018, onde liderou uma equipa totalmente renovada e, assumindo a rutura com o passado, apresentou a sua própria cozinha

Daniel Cardoso

Daniel Cardoso

Un Poco Loco

Um boné, um bigode inigualável, e um gosto peculiar por cozinha de fumados. Assim poderíamos definir gastronomicamente Daniel Cardoso, o senhor Le Moustache.
Daniel é responsável por coisas tão simples e extraordinárias como organizar um crowdfunding para abrir um restaurante - Le Moustache Smokery e aí fumar todos, mas todos os pratos – desde o bacalhau, à cavala ou ao carapau - com madeiras de vários sabores, adaptando ao nosso país esta técnica norte-americana.

Para trás, ficaram a participação no Masterchef, a carreira de técnico de vendas ou a vida atrás dos balcões do Deutsche Bank. Recentemente, o Daniel passou pelo restaurante Armazém da Alfândega, em#Aveiro e atualmente podemos encontra-lo na Supper Stars (na fotografia) e no restaurante mexicano Un Poco Loco.

A filosofia do Un Poco Loco passa por respeitar ao máximo os sabores originais mexicanos – rejeitando as vertentes tex-mex -, sem deixar, contudo, de apostar em algumas inovações.

Chef Diogo Rocha

Chef Diogo Rocha

Mesa de Lemos, Viseu

Nasceu em 1983, em Canas de Senhorim, na região de Viseu. Desde cedo foi parar à cozinha profissional, por vocação. E descobriu que era o que queria fazer para o resto da vida. Na decisão de seguir o curso de cozinha, teve o apoio do Chef Vitor Sobral que não lhe deixou margem para dúvidas e o encaminhou bem cedo para a necessidade absoluta de estudar. Num percurso brilhante e cheio de realizações tirou o curso de Cozinha e Pastelaria, em Coimbra, a licenciatura em Produção Alimentar e Restauração, no ESTHE, e está neste momento a finalizar a tese sobre produtos da Serra da Estrela no mestrado em Sustentabilidade de Turismo.
Profissionalmente passou por projetos tão diversos como o Encontrus Catering, Terreiro do Paço, Villa Joya e Valle Flor. Em 2008 entra para o grupo Dão Sul e, um ano depois, assume a chefia executiva de todo o grupo com 3 espaços de restauração: Quinta de Cabriz, Quinta do Encontro e Paço dos Cunhas de Santar. Desde 2009 faz parte do corpo docente da Escola Superior de Turismo de Seia, dando a cadeira de Gastronomia e Enologia. Assume hoje o projeto do restaurante da Quinta de Lemos, o que lhe permite expor a sua proposta culinária de cozinha: regional em plena comunhão com as novas técnicas, num espaço de excelência e em perfeita harmonia com os vinhos da casa.
É um dos embaixadores do evento, e Vagos e a Vagueira ficaram rendidos à sua apresentação em 2015, prometendo este ano, um novo momento surpreendente.

Pedro Nobre

Pedro Nobre

Tasquinha Alentejana

É dos cozinheiros preferidos na zona centro/ norte e chefia um dos espaços em que o Tony Martins se sente melhor a comer. Dono e Senhor de uma mão cheia de sabor, é no fogo que gosta de cozinhar. Carrega na memória mil historias que o trouxeram do alentejo para norte.

Daniela Batalha

Daniela Batalha

Miss Gourmet by Dani

Foi participante da edição Masterchef em 2015, apresentou, no evento que decorreu em Vila Nova de Gaia, para além da sopa vencedora (Sopa à Moda da Minha Avó); Torresmos de peixe do rio com migas de ovas de carpa, prato inspirado na Pateira; arroz de cabidela de leitão; pastéis de massa tenra com arroz de tomate e, na categoria das sobremesas, a cozinheira levou a concurso papas de abóbora com tartelete de frutos vermelhos e curd de limão.

Luca Bordino

Luca Bordino

Maxime

Apesar da sua juventude conta já com uma vasta experiência e muitas aventuras pelo mundo da Gastronomia. Formado na Escola de Hotelaria de Lisboa, trabalhou na Quinta dos Frades com Igor Martinho, antes de se dedicar durante alguns anos á Cozinha Divina, com Chakall. Passou pelo Ritz Carlton Penha Longa Resort antes de uma aventura o levar a Chefia do BOCA, primeiro restaurante Português em Singapura, um excelente trabalho que foi muito reconhecido em Portugal e no Oriente. O seu prazer pela Aventura levou-o a novas descobertas e tem passado os últimos anos a levar a Gastronomia Portuguesa aos Mais Variados países Indonésia, Filipinas ou Nova Zelândia.

Atualmente no Maxime, os pratos que agora nos serve são muito isso, o cruzamento dos seus mundos.

Chef Duarte Eira

Chef Duarte Eira

Salpoente

Duarte Eira, natural de Vila Real, é um jovem e promissor Chef, com um percurso já extenso e altamente dedicado à gastronomia de excelência, que reserva no seu currículo um lugar de grande destaque ao “fiel amigo” o bacalhau. Tendo iniciado o seu caminho na culinária com o estágio no Hotel Régua Douro, várias foram as cozinhas por onde passou, tais como o Hotel Aquae Flaviae, Casino-Hotel de Chaves, Hotel Monte Prado & Spa e Casa da Calçada Relais & Chateux, sendo este último sinalizado com 1* Michelin. Duarte Eira foi o vencedor da sétima edição do concurso “Revolta do Bacalhau” em 2011, e é considerado um dos maiores especialistas no trato de bacalhau e atualmente é o chef do afamado Salpoente, em Aveiro.

Em 2018 foi vencedor do concurso Troféu Portugal das Edições a Gosto.

Hugo Pereira

Hugo Pereira

Hotel Tryp

Conhecido por tratar o peixe como ninguem, é um grande especialista em Sushi. Hugo Pereira Nascido a 12 de Setembro de 1990 em Mira, Hugo percebeu desde cedo o seu amor pela gastronomia. Com apenas 16 anos entra no curso de Cozinha e Pastelaria da Escola de Hotelaria e Turismo de Coimbra onde dá seguimento ao seu percurso académico com a conclusão do curso de Gestão e Produção de Cozinha. Hugo desempenha as funções de sub-chefe de cozinha no Hotel Tryp Coimbra.